SP EM RETALHOS - DO BATUQUE AO SAMBA

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Insitituto Cultural Comunidade Independente do Imirim-Fundado; 06/05/1993


ASSOCIAÇÃO CULTURAL COMUNIDADE INDEPENDENTE DO IMIIRIM

O Instituto Cultural Comunidade Independente Do Imirim foi fundada em seis de maio de mil novecentos e noventa e três. no bairro do Imirim. Alguns amigos de um conjunto musical da época em conversa sentiam a falta de uma entidade que representasse o bairro nos dias de carnaval, foi então que fundaram uma escola de samba, de inicio para desfilar nas ruas do bairro. Sendo o apelo muito forte filiaram a entidade na UESP(União Das Escolas De Samba) no mesmo ano, passando a desfilar oficialmente no ano de 1995 na vaga aberta, desde o inicio a entidade carnavalesca unia pessoas de diversos lugares, sambistas já conhecidos, novos valores e também os que se encontravam no ostracismo. A escola de samba desfilou até o ano de 2004 quando foi suspensa devido a problemas em seu desfile. No ano de 2006 a entidade então passou a ser apenas sócio-cultural, deixando de lado o carnaval e seus desfiles, passando somente a fazer projetos e trabalhos sociais, musical e eventos, o principal projeto da entidade é o SP EM RETALHOS-CONVIDA VOZES PAULISTAS, que por iniciativa resgatar, valorizar e incentivar os compositores, cantores a divulgar suas obras muitas vezes deixada de lado por falta de oportunidade, foi então no ano de 2007 iniciado a gravação do primeiro disco reunindo nomes do samba paulista com 20 faixas todas inéditas. No ano de 2008 no dia 17 de julho foi feito o lançamento do disco na quadra da escola de samba Vai-Vai, dando assim seguimento a idéia inicial do projeto. Desde o inicio do projeto já são mais de quinze discos gravados entre coletâneas e discos solos, realizados no estúdio da própria entidade.

O Projeto Sp em Retalhos;




Uma iniciativa sócio-cultural formada por sambistas tradicionais de São Paulo, em sua maioria oriundos de escolas de samba. Sem a pretensão de ser um porta-voz do samba paulista, o projeto SP em Retalhos busca simplesmente desenvolver um trabalho de valorização, resgate e preservação dessa cultura, onde se originou e da qual é legítima expressão e que tem por base manifestações como o batuque de tambu com a dança de umbigada, o samba-lenço, o samba de bumbo, o jongo, o cururu e o desafio.
Consideramos fundamental ao se falar em origem do sambista a sua formação e história nas escolas de samba, em razão de serem tais instituições as mais antigas representantes ainda em atividade dessa manifestação cultural. Isso não significa desqualificar outros redutos onde se observa a continuidade da cultura do samba, mas sim reconhecer a legitimidade histórica de uma forma específica de vivenciá-la.
Dessa forma, o trabalho contempla sobretudo a interação entre sambistas em formação e representantes das diversas velhas-guardas paulistas, no intuito de promover a continuidade dessa arte incorporando diferentes influências geracionais sem modificar sua essência. O projeto “SP EM RETALHOS” é administrado pela Instituto Cultural Comunidade Independente Do Imimrim-Fundado em: 06/05/1993.

AGENDA

MÊS DE MAIO

Galeria Olido – Vitrine da Dança.
Terças-feiras.
Dias 5, 12, 19 e 26, 19h. Grátis.

Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa. Centro. Dia 28, 19h. Grátis

Centro Cultural da Juventude. Dia 29.

contatos
Jr. do Peruche: 3461-7656 ou 9326-7103
Carlos Gomes: 8143 4358